Governo pavimenta 14,5 mil m² de ruas em Campo Maior com recursos do PRO Piauí

Ruas do bairro Parque das Estrelas estão sendo contempladas com pavimentação, rampas de acessibilidade, calçadas com piso tátil e sinalização vertical.

 imagem de reprodução

As obras implementadas pelo Governo do Estado nos 224 municípios piauienses por meio do Programa de Desenvolvimento Econômico e Social, o PRO Piauí, conseguem transformar a realidade de vida dos moradores de diferentes comunidades. É o caso do bairro Parque Estrelas, em Campo Maior. As ruas que antes eram um cenário de poeira no verão e de lama no inverno agora recebem calçamento. Um total de mais de 14.500 m² de vias públicas desse bairro recebem pavimentação poliédrica.

A obra é parte de um cronograma de melhorias que estão sendo realizadas pelo Governo do Estado em Campo Maior na área da mobilidade, além de ações na área da educação e saúde. A responsável pela execução da obra é a Construtora Poty.

Todas as ruas estão recebendo, além da pavimentação, rampas de acessibilidade, calçadas com piso tátil e sinalização vertical. Com isso, além de garantir a acessibilidade, as intervenções melhoram as condições de saneamento, facilita a oferta de serviços públicos como coleta de lixo e Samu, além de valorizar os imóveis.

Na Rua Ademar Ximenes de Aragão, no bairro Parque Estrelas, são 3 mil m² de calçamento que já está em fase de conclusão e chega para melhorar a vida de moradores como a dona de casa Maria das Graças.

“Antes aqui era um sufoco. Lama no inverno, poeira no verão, hoje parece que estamos vivendo um sonho em ver nosso bairro recebendo tantas melhorias. Só temos a agradecer ao Governo do Estado por estar realizando essa tão sonhada obra”, agradeceu a moradora.

Ainda receberão pavimentação poliédrica, nesta etapa, a Rua Joaquim Ribeiro de Carvalho, conhecida como Rua 20, com 4.487m² de calçamento; Rua Chico Maroca, que terá pavimentada quase toda sua extensão, que somam 6.314m² de calçamento e a Rua 9, com 700m² quadrados de pavimento poliédrico.

 

 

 

Fonte: Ascom PRO Piauí

Mais de Campo Maior