Marcos Mion estreia, sábado (4/9), a nova versão do Caldeirão

Chegada do apresentador na emissora foi comemorada por ele

FOTO: GLOBO/VICTOR POLLAK

 FOTO: GLOBO/VICTOR POLLAK

Marcos Mion não escondeu que realizou um sonho ao ser confirmado como novo nome no rol de apresentadores da Globo. O ex-A fazenda (Record) estreia no próximo sábado à frente do Caldeirão, programa que Luciano Huck deixa para assumir o Domingão no dia seguinte. Mion também comandará um programa no Multishow, o Túnel do amor.

A julgar pelos quadros previamente divulgados pela Globo, o novo Caldeirão terá a cara de Mion. O apresentador costuma ter um humor um tanto mais ácido do que o de Luciano Huck, mais para a alegria do que para o bem-humorado propriamente dito.

“Entrar para o time da Globo não é apenas um reconhecimento dos meus 22 anos de carreira como comunicador, mas, sim, o maior sonho da minha vida profissional realizado. Desde a honra indescritível de levar adiante o legado do Caldeirão até comandar um formato original e inédito de reality no Multishow, a euforia de finalmente estar na maior organização de entretenimento, criação e jornalismo do nosso país é acachapante”, afirmou Mion em entrevista ao Fantástico.

Entre as novidades, o quadro Isso a Globo mostra promete ser o destaque. “É uma releitura de um quadro que eu inventei com 19 anos e apresentei na MTV, em que analisava clipes. Sempre foi um sonho fazer isso com todo o acervo da TV Globo. Pensa em uma criança feliz”, comentou o apresentador.

Outros quadros anunciados foram a continuidade do Tem ou não tem, “agora repaginado, com celebridades”; e o inédito Sobe o som, em que “os convidados precisam adivinhar a música apenas pela melodia numa disputa musical louca e divertida, cheia de sucessos.”

A carreira de apresentador de Marcos Mion começou em 2000 na MTV, quando se destacou à frente do Piores clipes do mundo, em que já mostrava a verve crítica e bem-humorada. Depois, ele passou pela Band, voltou para a MTV e foi para a Record, quando pôde aparecer com destaque para o grande público. A jornada lá começou com Quinta categoria (2008), mas o sucesso veio mesmo com o Legendários, que apresentou de 2010 a 2017. No ano seguinte, Mion deu cara nova e reinventou a apresentação de A fazenda, reality que comandou até 2020 e no qual deve ser substituído por Adriane Galisteu em 14 de setembro deste ano.

 

By Correiobraziliense

Mais de Entretenimento